lunes, 30 de enero de 2017

A menina Maria


Ela já era parte da sempiterna mente
desde o início, antes do gênesis, da criação.
Ao pensar Deus da humanidade na semente,
incluía uma menina no plano de salvação.

Era uma menina... quase uma criança,
fantasticamente parte do projeto divino.
Nela Deus colocava toda sua esperança
de gestar e dar à luz ao Deus menino.

Deus, infinita majestade e onipotência
não quis à menina ordenar, e sim pedir.
Então, sua mensagem com paciência
pelo anjo Gabriel foi a ela transmitir.

Menina, de Deus você foi a preferida
para trazer a este mundo, enfim:
amor, perdão, salvação e nova vida.
E o Todo poderoso espera o seu ‘sim’.

Assim se estabelece a importância
e a grandeza de Maria, bem aventurada,
Com um ‘sim’ de sagrada relevância
foi a primeira criatura por Deus amada.

J. Thamiel
30.01.17
14:23h





Me vejo translúcido e invisível no espelho,
que reflete a transparência da minha alma.
De tom claro de paz, de tom de amor vermelho,

surge uma luz que me perdoa. Então, respiro a calma. 

Como uma cálida brasa que reverbera as chamas,
a luz queima e cura minha alma numa divina cirurgia;
desfaz em minha mente as minhas terríveis tramas  

 e liberta o meu corpo e minha alma da agonia. 
J. Thamiel
10.02.17
11:59h
Publicar un comentario